Assista no youtube !

Loading...

quinta-feira, outubro 06, 2005

Novas práticas abusivas. Eletronicamente cinzentas.

.
Em função do incremento da tecnologia, novas práticas abusivas vêm sendo massivamente adotadas por grandes empresas, em áreas "supostamente" reguladas pelo governo.
Práticas estratégicamente montadas para arrecadar milhões, por algum tempo ou pelo máximo que se se fizer possível, até que consigam as autoridades "descobrir" o evento e sua extensão.
Práticas aparentemente legais que se chocam frontalmente com os direitos fundamentais e consumeristas do povo brasileiro.
Práticas inovadoras e cinzentas, geralmente implantadas, de forma eletrônica, a partir do exercício de um direito, como o de poder oferecer "novos serviços" ou "cobrar por eles", permitidos pelos contratos aos quais os consumidores aderiram.
A cidadania conhece pelo menos uma dúzia de "novas práticas abusivas".
Denunciou várias. Nenhuma delas foi, infelizmente, até o presente momento, ao menos compreendida pelas autoridades mais responsáveis.
Talvez faltem leis. Ou inteligência. Interesse ou coragem.
Não se sabe, mas não se justifica.
"Abusos que terminam legalizados" e que aumentam covardemente a alegria de algumas operadoras que lucram milhões, a partir da triste incapacidade da sociedade brasileira, que as alimentam com seus tostões.
É natural que o nosso povo continue pobre.